Escrever é viver duas vezes um bom Momento.
Antonio C Almeida
SOMOS TODOS POETAS
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


SOL, VENTO É O TEMPO

Nas folhas que deixam árvores
Folhas novas que chegam invadem
Vejo sol, vento é o tempo
Senhores no que passa idade
Sol, vento é o tempo
Debaixo de uma árvore.


Na boca que expressa fome
Naquelas sempre nutridas
Vejo sol, vento é o tempo
Senhores no que passa idade
Sol, vento é o tempo
Debaixo de uma árvore.


Nos olhos de um amor perdido
Na paixão de nova conquista
Vejo sol, vento é o tempo
Senhores no que passa idade
Sol, vento é o tempo
Debaixo de uma árvore.


Nos olhos de uma criança
Memórias da terceira idade
Vejo sol, vento é o tempo
Senhores no que passa idade
Sol, vento é o tempo
Debaixo de uma árvore.


São sombras na mesma árvore
Que persiste em deixar saudades
Daqueles que já partiram
E o amor para os que chegam rindo
Sol, vento é o tempo
Debaixo de uma árvore.


10/07/2017
Antonio C Almeida

 
Antonio C Almeida
Enviado por Antonio C Almeida em 12/07/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários