Escrever é viver duas vezes um bom Momento.
Antonio C Almeida
SOMOS TODOS POETAS
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


ILUMINADOS

Se revolto volto
Ao vento da discórdia
Que apaga a luz da glória...
Que ilumina as passagens da vida.

Ao olhar olhos marejados
Aspirar serenar tantos que choram
Quando sequelas das pedras de uma caminhada
Chegam no vão da estrada
No que reina anseio.

Por mais que ilumine
Ora apaga luz
Mas enquanto existir este calor
Que seja proveitoso amor.

Que venha para apaziguar as farpas
Aproveitando nascentes d'água
Banhando ao som do vento
As dores que chegam no tempo.
Antonio C Almeida
Enviado por Antonio C Almeida em 01/11/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários