Escrever é viver duas vezes um bom Momento.
Antonio C Almeida
SOMOS TODOS POETAS
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


Uma Guerreira Chamada Mulher

     Na formação de nossa sociedade a posição da mulher fora colocado como cidadã de segunda categoria.  A mulher vem de um longo passado histórico maltratada pelas Religiões, tratada como besta de carga pelas civilizações primitivas e ainda hoje pelos selvagens - e quantas nos lares domésticos que nos rodeiam, compreendemos sem custo que esse profundo abismo intelectual que a separa do homem não é mais do que uma consequência necessária para a sua sobrevivência.
     O conhecimento advém da necessidade de adquiri-lo.  O processo da aquisição de conhecimento é chamado cognitivo e a capacidade de se adquirir conhecimento é chamada capacidade cognitiva.  Por milênios a necessidade de conhecimento da mulher se reduzia a trabalho doméstico, sexo, cuidados com o homem, submissão, que ao mesmo tempo em que lhe proporcionava comida e dormida a classificava como estúpida, podendo ser descartada no momento em que não atendia mais estas necessidades.
     Em 1487 foi publicado o livro O Martelo das Bruxas dividindo-se em três partes: a primeira ensinava os juízes a reconhecerem as bruxas em seus múltiplos disfarces e atitudes; a segunda expunha todos os tipos de maléficos, classificando-os e explicando-os; e a terceira regrava as formalidades para agir "legalmente" contra as bruxas, demonstrando como processá-las, inquiri-las, julgá-las e condená-las. Mulheres que não choravam durante o julgamento eram automaticamente consideradas culpadas. Entre outros motivos esta classificação decorria de um comportamento que se enquadrasse como Heresia ( é a doutrina ou linha de pensamento contrária ou diferente de um credo ou sistema de um ou mais credos religiosos.), considerando que a maioria das religiões foram montadas a partir de conceitos machista, milhares, milhões de mulheres foram torturadas, queimadas por não seguirem os conceitos religiosos da submissão.
     A ordem social é um mecanismo necessário para se distribuir deveres, responsabilidades dos membros desta do qual seguem em contrato social que traz implícito que as pessoas abrem mão de certos direitos para um governo ou outra autoridade a fim de obter as vantagens da ordem social. Entretanto a ordem social, que deveria ser estabelecida por mérito, é estabelecida por racismo, xenofobia, machismo, feminismo, manipulação das massas e do indivíduo, brutalidade. Ficando, em sua maioria, as bestas no comando.
     O dia Internacional da Mulher, celebrado 08 de março, tem como origem as manifestações das mulheres russas por melhores condições de vida, trabalho e contra a entrada da Rússia na Primeira Guerra Mundial. Estas manifestações marcaram o início da Revolução de 1917. Entretanto a ideia de celebrar um dia da mulher já havia surgido desde os primeiros anos do século XX.
     O primeiro Dia Internacional da Mulher foi celebrado em 28 de fevereiro de 1909 nos Estados Unidos por iniciativa do Partido Socialista da América, em memória do protesto contra as más condições de trabalho das operárias da indústria do vestuário de Nova York.
     Hoje a mulher no Brasil conseguiu vários direitos que lhe proporciona uma inclusão social acentuada, entretanto muito tem a se fazer, mudar inclusive na mentalidade das novas gerações. Cabe ressaltar que a mudança é tamanha que temos um aumento significativo no número de mulheres gerentes, presidentes de empresas, Presidentes de nações.
     Hoje o dia Internacional da Mulher é tido como um dia comercial, onde cobrimo-las de elogios, bajulações e presentes. Mas não devemos esquecer que as conquistas vieram a partir de manifestações, lutas e milhões de mulheres mortas.
(Por: Antonio C Almeida).
Antonio C Almeida
Enviado por Antonio C Almeida em 08/03/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários