Escrever é viver duas vezes um bom Momento.
Antonio C Almeida
SOMOS TODOS POETAS
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos



Texto da Desembargadora que incriminou
A Vereadora Morta já é tratado como mentira
E ela responderá para CNJ.


Não falo que Marielle Franco não foi assassinada por bandidos. Sim ela foi! Pode ser da Polícia Militar, Civil, Federal, CV, PCC, assassinos profissionais contratados e outros independente de sua profissão. Quem comete um crime é bandido. Não é pelo fato de um homem ser Senador – como exemplo, que ele tem uma aureola na cabeça. Criminosos estão em toda a esfera da sociedade. O erro está em usar a força das redes sociais para disseminar o ódio, mesmo que por um acaso. Sim ódio, pois ao receber informações, visualizar uma pessoa dentro do grupo de excluídas, perseguidas, tratadas com preconceito, aparentemente, o ódio fluiu e o mal foi feito, pois depois de publicada a informação foi compartilhada e hoje várias pessoas dão como verdade o texto de uma Desembargadora e como não considerar, afinal ela se enquadra em todos os conceitos de boa pessoa pela sociedade.
Na eleição de Trump várias vertentes da sociedade até então esquecidas foram chamadas para o eleger. Ku Klux Klan (também conhecida como KKK ou simplesmente "o Klan") nome de três movimentos distintos dos Estados Unidos. Supremacia Branca, Lobby das armas, homofóbicos , ativistas que não acreditam no aquecimento global e ele foi eleito por uma força que gosta de se manter oculta. Tal como nos EUA, forças ocultas esperam se manifestar no Brasil, em uma oportunidade e fica no ar se não é o caso, intenção, motivação do obscuro, que nem pode ter sido o objetivo.
Todas as possibilidades estão em aberto até a conclusão do inquérito e em minha opinião vai ser muito difícil chegar a uma conclusão dado o profissionalismo dos envolvidos, leia-se o caso Celso Daniel, assassinado enquanto prefeito.

Não vamos condenar a Desembargadora, seria o mesmo caso da condenação, por ela, da vereadora morta. Deixamos a CNJ tratar de um assunto que é de sua competência.
 
 
Antonio C Almeida
Enviado por Antonio C Almeida em 21/03/2018
Alterado em 21/03/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários