Escrever é viver duas vezes um bom Momento.
Antonio C Almeida
SOMOS TODOS POETAS
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


Nos campos que passo
Busco o compasso
Partindo de olhos cansados
Papel em tinta traço.

Tradução em escrita
Beleza que serve e explica
Privada cifra ao gosto do artista
Vão que vai o texto e fica.
 
Do simples um complexo
Inexplicável firma o nexo
Do reflexo na água
Com a biografia que deságua.
 
Onde partem mágoas
Neste instante em brilho
Leva quem absorve ao caminho
Das margens onde sonhos aportam.
 
Descrever tanto quanto for
Necessário para chegar ao amor
Levando quem apreciar e ser
Companheiro neste alvorecer.
 
Antonio C Almeida
Enviado por Antonio C Almeida em 24/03/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários